Terra de Ninguém

15,00

Disponível por encomenda

Descrição

«Terra de ninguém» está ancorada no maior bairro de lata de toda Europa, a Cañada Real, em Madrid. O seu núcleo central, conhecido por “El Gallinero” e desmantelado em 2018, constitui o cenário desta impactante narrativa de María José Floriano, que transforma em literatura a dura realidade de uma povoação marginal de milhares de pessoas, através do olhar simples, doce e criativo da infância.
Uma obra imprescindível, audaz e comprometida com os excluídos da sociedade, que dá voz às crianças que habitam esses locais e que, ao mesmo tempo, põe a descoberto uma problemática que se arrasta há anos, entre o desmantelamento parcial das construções clandestinas e o realojamento das famílias.
De destacar, ainda, a dimensão metafórica que os protagonistas emprestam ao seu quotidiano, brincando aos ofícios circenses em condições de risco e perigo, e estendendo esse cariz lúdico à vida dos adultos, vida essa que decorre entre a sobrevivência dos mais vulneráveis e as atividades à margem da lei. Não obstante a falta de recursos, trata-se, para mais, de crianças, resilientes e esperançosas, que utilizam o pouco que têm para dar asas à sua imaginação, projetando sonhos, emoções, dúvidas ou simplesmente ilusões.
O texto complementa-se na perfeição com as ilustrações realistas de Federico Delicado, às quais não faltam detalhes alegóricos, pois são elas que trazem para o plano da realidade a dimensão simbólica das palavras.

Informação adicional

de

María José Floriano

Ilustração

Federico Delicado

Editora

Kalandraka

Edição

Outubro de 2022

Encadernação

Capa Dura

Páginas

48

Avaliações

Ainda não existem avaliações.

Seja o primeiro a avaliar “Terra de Ninguém”

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.