Rei, Dama, Valete

18,00

Disponível por encomenda a fornecedor

REF: 9789896413149 Categorias: , , Etiquetas: ,

Descrição

Em 1927, Nabokov dava grandes passeios solitários pelos bosques da ilha de Rugen. Foi então que lhe surgiu o enredo de um romance que reuniria marido, mulher e amante numa praia do Báltico.
Franz instala-se em Berlim em casa do tio Dreyer para trabalhar nos seus luxuosos armazéns. Mas Martha, a esposa do tio, decide seduzi-lo, acabando por o envolver num projecto de assassínio que conhece um desenlace imprevisto.
Rei, Dama, Valete é, segundo o autor afirma no prólogo à edição inglesa de 1967, um tributo a Flaubert. Mas as referências à bíblica mulher de Putifar ou a Lady Macbeth são evidentes.

«De todos os meus romances, esta fera rutilante é a mais alegre. A expatriação, a pobreza, a nostalgia não influenciaram a sua composição refinada e exultante. Concebida nas areias costeiras da baía da Pomerânia no Verão de 1927, construída ao longo do Inverno seguinte, em Berlim, e concluída no Verão de 1928, foi publicada nos começos de Outubro pela editora russa emigrada Slovo, com o título Korol’, Dama, Valet. Era o meu segundo romance russo. Eu tinha vinte e oito anos.»

Do prólogo de Vladimir Nabokov

Informação adicional

de

Vladimir Nabokov

Editora

Relógio D'Água

Edição

Novembro de 2012

Tradução

Miguel Serras Pereira

Encadernação

Capa Mole

Páginas

280

Avaliações

Ainda não existem avaliações.

Seja o primeiro a avaliar “Rei, Dama, Valete”

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.