Memorial de Aires

14,90

Disponível por encomenda

Descrição

“OS MELHORES DELES TODOS O último romance de Machado de Assis marca o nascimento de uma NOVA COLECÇÃO da Tinta-da-china, dedicada ao melhor da literatura brasileira e coordenada por Abel Barros Baptista e Clara Rowland.

Memorial de Aires é o último romance de Machado de Assis, publicado no ano da sua morte (1908). Obra extremamente depurada, é a segunda atribuída ao conselheiro Aires, diplomata aposentado, que apareceu no romance anterior, Esaú e Jacó (1904), onde é personagem e autor ficcional.

Agora, escreve um conjunto de anotações quotidianas, o Memorial, nos anos de 1888 e 1889. No cenário da abolição da escravatura, Aires é uma figura complexa como testemunha e comentador: acompanha o velho casal Aguiar e a sua orfandade às avessas, enquanto na escrita se dedica à bela viúva Fidélia, e se envolve nos meandros divagantes do seu próprio e inesperado desejo.

Ao mesmo tempo terno e cruel, o livro oscila entre o apontamento disperso e a narrativa escorreita, sempre contido e conciso, enquanto a sombra discreta do Fausto perpassa melancólica, quase indiferente…

INCLUI UM POSFÁCIO COM UMA «CONVERSA» SOBRE O LIVRO ENTRE OS COORDENADORES DA COLECÇÃO”

Informação adicional

de

Machado de Assis

Editora

Tinta da China

Edição

Setembro de 2022

Encadernação

Capa Mole

Páginas

224

Avaliações

Ainda não existem avaliações.

Seja o primeiro a avaliar “Memorial de Aires”

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.