Livro do Gentio e dos Três Sábios

13.90

Descrição

— Em 2016 celebra-se o Ano Llull em comemoração do sétimo centenário da morte do filósofo mais importante que as letras catalãs deram ao mundo
— O texto, adaptado por Ignasi Moreta, centra-se na parte da obra mais adequada para o leitor de hoje com um estilo atual e inteligível que respeita, contudo, o tom cerimonioso do original
— As ilustrações de Àfrica Fanlo, sem deixar de ser atuais, recuperam elementos simbólicos próprios da tradição iconográfica luliana.

Era uma vez um gentio, quer dizer, um homem que não praticava nenhuma religião. Era muito sábio mas não tinha nenhum conhecimento de Deus nem acreditava que houvesse alguma coisa depois da morte. Procurando remédio para a sua tristeza, dirigiu-se a um bosque cheio de fontes e de belas árvores de fruto.
Entretanto, três sábios encontraram-se à saída de uma cidade. Um era judeu, o outro cristão e o terceiro muçulmano. Ao verem-se, cumprimentaram-se, acolheram-se mutuamente e decidiram acompanhar-se. Cada um falava aos outros dois sobre a sua crença e os seus pensamentos, e falando, falando, chegaram ao bosque por onde andava o gentio…
Com o Livro do gentio e dos três sábios, Ramon Llull (1232-1316) oferece-nos uma surpreendente parábola inter-religiosa com um desenlace desconcertante.

Informação adicional

Autor

Ignasi Moreta

Ilustrador

Àfrica Fanlo

Editora

Pequena Fragmenta

Edição

Março de 2016

Tradução

Inês Castel-Branco

Encadernação

Capa Dura

Páginas

40

Avaliações

Não existem opiniões ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Livro do Gentio e dos Três Sábios”

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.