Estação Vernadzky

17.00

REF: 2000800002684 Categorias: , Etiqueta:

Descrição

Estação Vernadsky foi um projecto de residência artística em Sines que envolveu cinco artistas plásticos, um músico, um geógrafo, um historiador e um neurocientista, uma designer, um programador e uma editora, numa experiência em torno das ideias de Vladimir Vernadsky e, em particular, do seu conceito de noosfera.

O pensamento de Vladimir Vernadsky (Império Russo, 1863 – URSS, 1945) exprime uma noção sistémica da realidade. Advindo da geologia, considera a acção da vida biológica (biosfera) sobre a matéria inerte (geosfera), enfatizando o modo absolutamente decisivo em que a primeira altera, molda e faz evoluir a segunda.

(…) Durante as pesquisas iniciais em torno de Vernadsky, a obra dos irmãos Arkady e Boris Strugatsky – traduzida para Stalker ou Piquenique na Estrada, dependendo da edição portuguesa consultada – tornou-se relevante. Foi a partir dela que ficámos a saber que visitações alienígenas originaram seis ‘zonas’ em diversas localidades terrestres.

(…) Foi em 2014 que colocámos, pela primeira vez, a hipótese de Sines ter sido uma dessas seis localidades. Tomámos então medidas para montar este nosso posto de observação. Pensámos que, tendo a ciência falhado em dar sentido aos acontecimentos, seria de experimentar o ponto de vista da arte.

in Uma ficção vagamente científica, Soraya Vasconcelos

Informação adicional

Editora

Dois Dias Edições

Edição

Julho 2018

Encadernação

Capa mole

Páginas

172

Avaliações

Não existem opiniões ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Estação Vernadzky”

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.