Alcateia

16,60

Descrição

A aldeia de Corgos é palco de um equilíbrio de forças que permite um modo de vida tranquilo. Até ao dia em que a notícia da morte violenta de Lourenção, um alto proprietário rural, vem arrancar a paz às gentes da terra. Cedo se formam duas alcateias, onde a lógica «homem lobo do homem» leva uns e outros a disputar o controlo do povoado. De um lado, João Santeiro e a sua quadrilha pretendem tomá-la pela violência, do outro, o doutor Carmo e o seu círculo de influências, pela corrupção do poder.
Alcateia é o segundo romance de Carlos de Oliveira, obra de uma força notável que ficou prescrita do cânone do autor, por sua vontade. Depois de apreendida a primeira edição, em 1944, o texto que aqui se publica é o da segunda edição, dada à estampa logo no ano seguinte, em 1945.

Informação adicional

de

Carlos de Oliveira

Editora

Assírio & Alvim

Edição

Setembro de 2021

Encadernação

Capa Mole

Páginas

216

Avaliações

Ainda não existem avaliações.

Seja o primeiro a avaliar “Alcateia”

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.