Ahnenerbe: Os Cientistas de Hitler – História da «ciência» usada para validar a ideologia nazi e as leis de Nuremberga

17,70

Disponível por encomenda a fornecedor

REF: 9789722541626 Categorias: , Etiquetas: , ,

Descrição

A Ahnenerbe, ou Sociedade para a Investigação e Ensino da Herança Ancestral Alemã, foi um departamento das SS criado por Himmler (e disputado por Goebbels) com três objetivos: pesquisar o alcance territorial do espírito da «raça germânica», investigar e recuperar as tradições alemãs e difundir a cultura tradicional alemã entre a povoação. Na verdade, sob a capa da Antropologia, da Arqueologia e da Medicina, escondia-se uma ferramenta de propagação da política racial do Terceiro Reich, que combinava ocultismo, pseudociência e ideologia e procurava reunir evidências (ou falsificá-las) que fundamentassem a ideologia nacional-socialista e justificassem as Leis de Nuremberga.

Neste livro, Eric Frattini explica o que foi a Ahnenerbe, por que foi fundada e como foi possível o patrocínio científico de um misticismo conspiratório, paranoico e racista no qual participaram mentes tão torpes quanto inteligentes.

Informação adicional

de

Eric Frattini

Editora

Bertrand Editora

Edição

Outubro de 2021

Encadernação

Capa Mole

Páginas

360

Avaliações

Ainda não existem avaliações.

Seja o primeiro a avaliar “Ahnenerbe: Os Cientistas de Hitler – História da «ciência» usada para validar a ideologia nazi e as leis de Nuremberga”

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.