A Idade Média – A verdadeira Idade das Luzes

22,20

Disponível por encomenda a fornecedor

REF: 9789722540810 Categorias: , Etiquetas: , ,

Descrição

Quando pensamos na Idade Média, vêm-nos à mente catedrais góticas imponentes, cruzadas sangrentas e a peste negra – movimentos tão fortes que moldam a nossa perceção deste período. Contudo, a chamada Idade das Trevas dotou-nos das primeiras universidades, de óculos e de relógios mecânicos. E nela se desenvolveu uma vibrante cultura científica, nascida da tentativa dos pensadores medievais de compreenderem a passagem das estações e a progressão das estrelas no céu noturno, entre outros fenómenos.

Em A Idade Média: A verdadeira Idade das Luzes, Seb Falk (professor de História na Universidade de Cambridge, Reino Unido) revela-nos a história da ciência e dos desenvolvimentos tecnológicos medievais pelo olhar do monge, cruzado, inventor e astrónomo John de Westwyk, personagem real do século XIV.

Com Westwyk, seguimos os grandes desenvolvimentos científicos da Idade Média e aprendemos a multiplicar numerais romanos, a usar as estrelas para navegar, a ver o tempo com um astrolábio e a viajar dentro e fora de Inglaterra. E cruzamo-nos com alguns dos grandes cientistas desse tempo: o abade leproso que construía relógios, o artífice francês que se tornou espião, o poliglota persa que fundou o observatório mais avançado do mundo, entre outros.

Usando os diários e a vida de John de Westwyk como mote para esta demanda, A Idade Média pinta com cores vibrantes os sucessos e as dificuldades da vida de um homem incomum que viveu num mundo e num tempo perigosos. Uma história esclarecedora que derruba o mito da Idade Média como a Idade das Trevas.

Informação adicional

de

Seb Falk

Editora

Bertrand Editora

Edição

Outubro de 2021

Encadernação

Capa Mole

Páginas

472

Avaliações

Ainda não existem avaliações.

Seja o primeiro a avaliar “A Idade Média – A verdadeira Idade das Luzes”

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.